Lavando a louça

Olá caros leitores.

Quem diria que eu sentiria saudades de escrever, logo eu que sempre disse que isso não era pra mim, mas tenho descoberto quão prazerosa é esta arte da escrita. E hoje, quero partilhar com vocês uma experiência que eu vivenciei algumas semanas atrás, apesar de já tê-la compartilhada com algumas pessoas, contudo, quero levar mais pessoas a refletirem sobre o assunto. Então vamos lá!

Como toda boa dona de casa (rsrs), eu estava lavando a louça e nem percebi que estava perto de cometer uma catástrofe (talvez esteja exagerando um pouco, é claro), peguei uma vasilha Tupperware e comecei a lavar por dentro, só que com o lado mais grosso da espoja e detalhe, era uma linda vasilha novinha que minha mãe tinha ganhado de presente. Acredito que as mulheres já entenderam o que isso pode causar, e já peço desculpas por isso mãe (rsrs). Mas explicando para todos, isso pode arranhar toda a vasilha, danificando-a ao longo do tempo e, além disso, tirando a sua beleza.

Quando notei o que estava fazendo, primeiro veio o susto e aquela voz: “A mãe não vai gostar disso”. Mas, logo veio o pensamento “Ah, ainda bem que é por dentro, ninguém vai ver mesmo a não ser eu e a mãe, então por fora eu lavo com o outro lado da espoja e com mais cuidado, a vasilha vai continuar linda”. Quando ainda estava pensando a respeito, senti o Espírito Santo dizendo ao meu coração: É assim que você e muitas outras pessoas têm feito algumas vezes consigo mesma. Nossa…! Foi um choque bem grande e confesso que terminei de lavar as louças chorando, refletindo no que tinha acabado de ouvir e não me cansava de pedir perdão. Eu era muito preocupada com o que os outros achavam de mim, o que falavam a meu respeito, então muitas vezes queria transparecer que tudo estava perfeito e lindo, seja na igreja, na universidade ou em casa, quando algumas vezes não era o que acontecia de fato. É aí que mora o perigo, porque isso nos leva a viver de aparências.

Com isso, depois dessa experiência, Deus foi ministrando em meu coração ao longo dos dias de que não adianta fingir ou querer mostrar exteriormente o que você não é interiormente, porque Ele nos conhece desde o princípio (Sl. 139), e é pra Ele que teremos que prestar contas no final de tudo. Então, ao invés de nos preocuparmos tanto com o que os outros aqui na terra falam de nós, temos que nos perguntar sobre o que Deus pode dizer de nós. Será que Ele pode dizer assim como disse de Jó, homem bom e honesto (Jó. 1:8), ou como Davi, que foi descrito como um homem segundo o coração dEle (1 Sm. 13:14)? Ou será que seremos chamados de hipócritas, como Cristo chamou os fariseus, justamente por se preocuparem demais com o exterior e deixarem de lado o interior? No capítulo 23 de Mateus, Cristo aparece chamando a atenção dos mestres da Lei e fariseus sobre esse assunto, e no versículo 28 do mesmo capítulo, Jesus diz: “Por fora vocês parecem boas pessoas, mas por dentro estão cheios de mentiras e pecados”.

Deus me fez refletir que assim como eu pensei que só eu e minha mãe iríamos ver a parte de dentro da vasilha, assim também somos nós, quem sabe o que se passa no nosso interior é só o Pai Amado e nós mesmos, então será que Ele merece ver só feridas, imundícias e pecados? Foi Ele quem nos amou primeiro, fomos criados para louvor dEle, somos morada do Espírito Santo e Ele não habita em lugares sujos. Que possamos cuidar melhor do nosso interior! Façamos a mesma oração de Davi: “Purifica-me com hissopo, e ficarei puro; lava-me, e ficarei mais alvo do que a neve”. Eu sei que são palavras duras, e foi por isso que não consegui conter as lágrimas naquele momento que fui confrontada pelo Espírito Santo. Mas as verdades de Deus são assim mesmo, nos tiram o fôlego, nos confrontam diariamente, e dou graças a Deus por isso, pois nos demonstra o quanto nos ama e se importa conosco.

Que possamos nos preocupar em sermos perfeitos diante de Deus e deixar que Ele fale sobre quem nós somos nEle, e assim quando as pessoas olharem para nós, o nosso exterior traduzirá fielmente quem habita no nosso interior: O Espírito Santo de Deus!

Aclevia da Cruz

Aclevia da Cruz

Uma eterna aprendiz de Jesus Cristo, buscando libertar-se de si mesma. Alcançada de forma inexplicável pela Graça Redentora de Deus!
Aclevia da Cruz

Últimos posts por Aclevia da Cruz (exibir todos)